Como escrevo no blog

Andréia M.Duarte.

Obs.: Desculpe-me se eu não for muito técnica ou cheia de normas ao escrever aqui, é que com o passar dos anos, descubro cada vez mais que a obra de Deus é simples de fazer, nós é que a complicamos, com tantas regras, liturgias etc..
Não que a Obra de Deus deve ser feita de forma desorganizada, mas quantos desistem principalmente no departamento infantil, porque se acham incapazes.
Muita organização, tabelas, burocracias no trabalho do Senhor atrapalha.Desorganização é algo que não pode haver no trabalho de Deus.
Uma coisa é ser desorganizada, outra é perder tempo com tanta coisa sem necessidade.
Ore e peça ao Senhor para te ajudar a achar o equilíbrio.
Faça tudo conforme as suas forças, sabendo que os que esperam no Senhor sempre as terão renovadas.

30/03/2010

Honrando seu líder

-->

Projeto Missionários da Alegria


Honrando seu líder

Obs:Não copie nada deste blog antes de clicar aqui

Andréia M. Duarte

Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil. Hebreus 13:17


Parte superior do formulário


A honra, claro vem com a obediência e reconhecimento da soberania de Deus em escolher aquele líder para estar nos liderando.
A Bíblia nos diz que não há governo que não venha de Deus. Isto quer dizer que nossos líderes tanto na vida secular como espiritualmente falando, são pessoas que tem a permissão de Deus para nos liderar. Quando obedecemos e honramos nossos líderes temos a bênção de Deus sobre nós.
 Aprendendo isso estaremos tendo muito mais facilidade em aceitar a sua orientação.
Devemos orar ao Senhor para que abra a nossa visão e percepção espiritual quanto a isso.
 Não deixe de honrar aquele que Deus colocou em sua vida como orientador espiritual.
Você pode me dizer: Irmã Andréia, você não conhece meu pastor, se conhecesse não me diria para honrá-lo.
Não conheço seu pastor e também não conheço nenhuma ressalva na Bíblia quanto a honrar só o pastor que estiver dentro 

dos nossos princípios ou de acordo com aquilo que achamos que deve ser ou ter um pastor.
 Deus toma conta da sua Igreja, ela é a sua noiva , quando falo Igreja de Deus , não está falando de rótulo denominacional, mas dos salvos, lavados e remidos no sangue de Cristo. A estes existe uma promessa  de  galardão ao cumprirem as ordenanças divinas, e entre elas está o versículo que coloquei  no início deste artigo.
Já tive muitos pastores na minha vida, mais de trinta, entre pastores e dirigentes de igreja. Confesso que não aprovava a direção de um ou de outro, o modo de ser ou de falar de algum. Porém Deus me ensinou a obedecê-los e abriu minha visão espiritual a este respeito.
Um pastor tem unção. Quando ele é consagrado, quando colocam as mãos sob ele e várias pessoas oram em nome de Jesus para consagrá-lo há uma unção divina. O que fazem depois com essa unção será algo que terão que dar conta só a Deus. Mas eu reconheço a unção de Deus sobre os pastores e isso só me faz bem.
Quero contar-lhes um pequeno grande testemunho.
 Não reconhecia esta autoridade na vida dos pastores. Eu achava que um pastor e sua esposa era como meus empregados, tinham que me  alimentar da palavra, me dar exemplo, não faltar nem por decreto nos culto, me dar atenção sempre que eu quisesse me visitar obrigatoriamente quando estivesse enferma...
Questionava as atitudes dos meus pastores e no fundo não os respeitava como tal. As esposas eram para mim parasitas que faltavam cultos e que não estavam presentes nos projetos mirabolantes que os pastores inventavam.
Era isso realmente que eu pensava.
Um dia queimei minha mão em um ferro de passar roupas.
Em poucos dias aquele ferimento já tinha ficado muito grande em minha mão a ponto de eu ter vergonha de sair de casa. Nada fazia com que cicatrizasse.
Um domingo de manhã, me dirigi a Escola Dominical da Matriz de minha igreja onde lecionava para uma classe de irmãs, meio sem jeito com vergonha daquela mão com um ferimento que eu não podia cobrir por se tratar de uma queimadura.
Ao chegar ao início de uma rampa que dava acesso a nave da igreja encontrei meu pastor presidente que me cumprimentou com um aperto de mão justamente na mão ferida, e foi aquele aperto de mão. Sei que ele não viu e nem sentiu que estava apertando uma ferida, mas eu vi e senti, e muito, pois doeu de mais. Subi a rampa com lágrimas nos olhos e um pouco de raiva devido à dor.
Quando cheguei à nave da igreja encontrei o Vice-presidente, também pastor, homem de seus cento e poucos quilos que me estendeu a mão com muita alegria para me cumprimentar. Claro que estendi sem perceber a mão machucada. Desta vez o aperto foi mais forte, doído e demorado o que me causou muita dor.
 Sentei-me no banco e comecei a ouvir os louvores. Minha mão começou a formigar e quando olhei pude ver o ferimento fechando na minha frente. Glórias a Deus.
Nunca havia presenciado um milagre instantâneo. Deus estava fechando o ferimento
 Chamei minha sobrinha para ver e ela ficou maravilhada. Quando terminou a Escola Dominical havia em minha mão no lugar do ferimento uma grande cicatriz vermelha e muito feia.
Minha fé foi aumentada, mas Deus me fez ver outra coisa que mudou minha vida. As mãos de um pastor tem unção.
Sim, eu não enxerguei um milagre, mas enxerguei a unção que Deus coloca nas mãos de um pastor.
A marca do milagre está ainda nas minhas aos e no meu coração.
Nunca mais olhei para meus pastores e esposas da forma que olhava antes. Todas as vezes que olho para a cicatriz em minhas mãos me lembro da forma como Deus me ensinou a honrar meu pastor.
Mal sabia eu que Deus estava me preparando para trabalhar com pastores e esposas de pastores quando liderei a CRIADA e vice liderei a CIBEADA em Araruama - RJ
Quantas vezes tive que calar recuar, diante de uma autoridade pastoral, mas isso não me causou dor ou revolta. Pelo contrário me causou uma sensação maravilhosa de obediência e submissão.

Há muitos pastores, esposas e família de pastores sofrendo diante da chamada de Deus e o desprezo das ovelhas. Pastores que pastoreiam gemendo por causa de ovelhas insubordinadas.
Que não sejamos assim.
Vamos honrar nossos líderes e vamos ensinar as nossas crianças a honrarem
Você que é líder geral do departamento infantil de um campo, ensine isso aos líderes de congregação. Honre seu pastor presidente, e ensine os líderes infantis a honrar os pastores de congregação.
Um pastor pode até não está fazendo tudo como Deus gostaria que ele fizesse, Deus pedira contas disso a ele. Mas Deus te honrará pela obediência, submissão que você tiver. Deus tem compromisso com você
 Comemore o aniversário do seu pastor
Reconheça a esposa do seu pastor como uma serva de Deus, que abdica de várias coisas, inclusive da atenção do seu esposo para que ele pastorasse.
 Abençoe e serás abençoado 

Obs.. Se você gostou deste artigo poste um comentário

Nenhuma permissão é dada para a reprodução de postagens assinadas por mim  em sites, blogs, boletins on-line, através de e-mails, internet ou qualquer outra (em linha) uso.

Porém ficarei muito feliz da utilização das mesmas em sua igreja e departamento


Comentários

Não deixe de comentar , de colocar seu pedido de oração e de ler os comentários , pois neles estou colocando dicas e respodendo algumas dúvidas dos leitores do blog